sábado, 30 de outubro de 2010

Mais eleições

E amanhã cumpriremos o dever cívico, risonho e límpido do voto universal brasileiro. E pelo Datagério, instituto de pesquisa do Rogério, a maioria das pessoas não vai votar nem na Dilma, nem no Serra.

Do que tenho ouvido por aí, boa parte das pessoas que votará no Serra tem, na verdade, um voto anti-Dilma ou anti-PT. Tanto faz o Serra, o Alckmin, o Tiririca ou o macaco Chico: contra a Dilma, o pessoal tá votando. Do mesmo modo, a maioria das pessoas que votam na Dilma tampouco estão votando na candidata, mas votando, isso sim, no Lula. Tanto faz a Dilma, a Marta, o Tiririca ou o macaco Chico: ordem do Lula, o pessoal tá votando.

A minha previsão é que a Dilma ganhará mas não terá vida fácil nos próximos 4 anos. Acabou o céu de brigadeiro do Lulão, uma figura muito mais histórica, forte e carismática do que ela.

Falando nisso, falando em deveres pétreos e pátrios, o censo acabou essa semana e eu não fui entrevistado. Até mandei um alerta pelo site oficial pedindo pra agendarem uma visita, mas nem tchum. A pátria não me quer. Mas que insignificância é essa...