domingo, 4 de outubro de 2009

Olimpíadas 2016

Ih... Já começou mal. Mal o Rio foi escolhido para sediar as Olimpíadas de 2016 e já tive que me deparar com as cenas grotescas da política: primeiro o Lula dizendo que vai acabr com as favelas do RJ, o que se não é grotesco é, no mínimo, populista. Mas tudo bem. Depois lá vem o Nuzman com aquela cara de bobo dele, descendo no aeroporto com bandeirinha do Brasil como se a sua gestão no COB fosse um poço de elogios. Ai ai ai...

Mas nada comparado à entrevista do governador Sérgio Cabral ao Flávio Prado na Jovem Pan, hoje cedo. Peguei a história no meio, a pergunta já tinha sido feita e quem estava falando, parece que ao telefone, era o Lula. Daí ele passou o telefone pro Cabral que começou a contradizer o Flávio Prado dizendo que estava provado que o PAN tinha sido um sucesso, que as contas tinham sido aprovadas pelo TCU, sendo natural que houvesse uma "investigaçãozinha aqui, outra ali" e que havia sim restado um legado para a cidade, apontando inclusive que o COI afirmara em uma prévia que as instalações no Rio eram até melhores que as de Chicago.

Disse isso e desligou. A entrevista devia ser gravada já que o Flávio Prado disse: "Claro que não havia réplica, por que se houvesse eu perguntaria ao governador sobre" tal tal e tal. E começou a ler o parecer do TCU sobre as contas do PAN.

Bom, em primeiro lugar o PAN foi orçado em 95 milhões de reais e custou 1 BILHÃO e 800 milhões de reais. Isso dá mais de 1000% de aumento. Imagina se isso não é má gestão do dinheiro público. Aliás, se não foi desviado dinheiro, isso significa que os cariocas são muito ruins de conta, porque se você vai consertar uma cadeira na sua casa, imagina que vai gastar 95 reais e gasta 1.800 milhão, bom administrador você não é.

E por aí vai. Maria Lenk e Engenhão subutilizados, mais de 200 processos e pontos de irregularidades no parecer do TCU. Enfim, pelo visto o Sèrgio Cabral anda muito mal informado sobre o estado que governa. Considerando que o prefeito do Rio de Janeiro é aquele xarope do Eduardo Paes que teve uma atuação desprezível durante o caso do mensalão e que quase nos fazia torcer para os bandidos do PT, que o presidente do COB é o Nuzman e que o membro mais antigo do COI é o JOÃO HAVELANGE, o cara que inventou o Ricardo Teixeira, já viu...

A chance de dar certo é muito baixa...